Refinados Cavalheiros: Sexo, Humor e Cultura

Geração Nutella: uma geração de ideias?

Geração Nutella: uma geração de ideias?

É verdade que muitos jovens da Geração Nutella me enviam mensagens angustiadas e querem tirar suas dúvidas.

Mas eu também tenho redes sociais e gosto de ler o que os jovens postam.

Hoje, por exemplo, um rapaz escreveu:

“Estou sozinho [sem namorada] porque gosto mais de ideias do que de pessoas”

Ele não me perguntou nada, mas também não tem o que me impeça de pensar. E foi isso o que eu pensei:

Não, jovem. Não acredito que você goste mais de ideias do que de pessoas. Senão estaria lendo Aristóteles e não escrevendo no Face pra se comunicar com… Pessoas.

Minha hipótese é outra. Você está sozinho porque é um virjão que tem medo de tomar um fora por meios normais (cara a cara num bar, por exemplo), por isso escreve esse tipo de coisa como isca para atrair algo que pode variar entre a admiração e a piedade das moças da sua idade. O que exatamente você vai conquistar com a estratégia vai depender da ingenuidade das tais moças. O mais comum deve ser a piedade.

Esse expediente pode até funcionar num primeiro momento, mas depois que uma moça te dá atenção, duvido que você saiba o que fazer com ela (tanto com a atenção quanto com a moça). Então o jeito é postar de novo a mesma coisa em outra página…

Acertei? Sei que sim. Eu sou melhor que o analista de Bagé (não é do seu tempo, veja no Google). O ponto é: se tiver algum tipo de inquietação espiritual, fale comigo. Mas só se a zona estiver fechada. É, a zona, o puteiro, o bordel. É pra lá que você deve ir quantas vezes forem necessárias pra perder o medo de machucar seu coraçãozinho. E também pra treinar seu piruzinho.

Aproveita que hoje é sábado. Corre lá. Depois me conta.

E receba o abraço afetuoso do
Dr. Schneider

Leia a seguir:

Entenda a “No Pussy” Generation

Friedrich Schneider
Psicanalista, palestrante, sexólogo, putanheiro e escritor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *