Refinados Cavalheiros: Sexo, Humor e Cultura

Crítico Literário Hétero analisa “Anônima Intimidade”, de Michel Temer

Crítico Literário Hétero analisa “Anônima Intimidade”, de Michel Temer

"Anônima Intimidade", de Michel Temer

Hoje vou analisar o livro de poemas do nosso presidente MICHEL TEMER! Vocês vão já logo achando que vai ser um livro chato, cheio dessas frescura poética, mas estão enganados: se trata de um verdadeiro livro macho, uma confissão hétero de um grande homem. Vejam por exemplo esses versos:

“Se eu morresse hoje
Faria tudo como fiz.
Não mudaria nada.” (p.25)

Mostrando um broder de caráter, que não se arrepende do que faz. O poeta não é de fugir das treta, se precisar sai na porrada também:

“Lembro-me da discussão
Do tapa
Do empurrão
Dos gritos
Da confusão.” (p.69)

Além de porradeiro, o Temer também se revela um pegador do caralho. Já deixa logo claro que não é porque tá velho que não dá mais conta do recado, no início do poema O RELÓGIO:

“Antigo.
Quase 80 anos.
E funcionando.” (p.23)

Como um bom poeta, o presidento sabe utilizar bem da palavra pra falar das putaria, como por exemplo nesse verso em que ele manda um cacófato (não sabe o que é cacófato? vai estudar, porra!) pra falar do sexo anal:

“Embarquei na tua nau” (p.37)

E ele segue contando suas proezas de conquistador, tipo no poema RELAÇÕES:

“Relação? Com quem? (…)
Mulheres?
Será?
Não. Nenhuma.
Esgotaram-se todas” (p.150).

O BRODER LITERALMENTE PEGOU TODAS AS GATA DO MUNDO, NÃO SOBROU NENHUMA!

E, pro bom leitor hétero, ele dá umas dica de como pegar mulher no livro: imagina tu chegando na gata top e mandando essa:

“Que olhos tens,
Linda morena. (…)
Que corpo esguio,
Lembrando a ema” (p.112)

Certeza que foi assim que ele pegou a Marcela kkkkk!!

Obviamente, o livro não poderia deixar de falar de política também. E pros caluniador que acusa o Dr. Temer de ser corrupto, ele já manda um papo reto, no poema SABER:

“Eu não sabia.
Eu juro que não sabia!” (p.90)

Porra, não dá pra falar tudo sobre esse livro do caralho, mas vou deixar aqui recomendado como um livro totalmente hétero, escrito por um cidadão de bem, juiz, pegador e intelectual, tudo o que eu almejo ser um dia.

Finalizo chamando a atenção pro nome da editora do livro do Temer: TOPBOOKS.

TEM COMO UM LIVRO DESSE SER RUIM? NEM FUDENO!!!

NOTA: 5 DE 5 TOPS.

homem de óculos crítico literário hétero

Leia a seguir:

Entenda a “No Pussy” Generation

Critico Literario Hetero
Crítico literário, marombeiro e pegador. Faz análises hétero de uns livro foda pra te ajudar a impressionar aquela gata TOP.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *